Horário de verão, para quê!? Quais os efeitos que ele pode gerar em nosso organismo?

Escrito Por: Publicado em: Curiosidades Data de Criação: 21/10/2015 Acessos: 2037 Comentários: 0

Saiba o porquê de se ter o horário de verão e quais os efeitos que ele pode causar em nosso corpo.

Todo ano é a mesma coisa, ao chegar o mês de outubro acontece o horário de verão, ou seja, os relógios são adiantados em 1 hora. Tem gente que ama essa mudança e que reage super bem ao novo horário, já outras odeiam. Mas, você já pensou o porquê de se ter o horário de verão?

 

Vários estudos foram elaborados ao longo da história sobre a economia de energia. O curioso é que o primeiro estudo sobre o horário de verão visava a economia da cera das velas, isso mesmo, das velas, aquelas utilizadas há seculos atrás para iluminar as casas! Nesta época o estudo não foi aceito, porém, mais tarde, especialistas identificaram que realmente o horário de verão traz benefícios para a economia dos países. Isso porque, durante o verão acontece o solstício de verão, ou seja, o sol nasce mais cedo e se põe mais tarde, resultando em dias mais longos.

 

Se os dias são mais longos, é possível economizar energia com o horário de verão. Aqui no Brasil, estima-se que há uma economia de 4% a 5% de energia. Parece pouco, mas aplique isso a toda a população brasileira. Com certeza se surpreenderá com o número. Com a crise hídrica que ronda os dias atuais, nem é preciso dizer o quanto essa economia é significativa.

 

Mas, e os efeitos colaterais que a mudança de horário causa em nosso organismo?

 

Bom, os efeitos colaterais podem ser diferentes em cada pessoa. Os sintomas geralmente são insônia, sonolência no dia seguinte, irritabilidade, cansaço, perda de um pouco da atenção e falta de apetite.

 

Isso ocorre porque a mudança de horário impacta diretamente em nosso relógio biológico. O corpo que estava acostumado à uma situação, que tinha tudo sincronizado entre horários das refeições, sono e luminosidade do dia tem que adaptar-se à nova realidade.

 

A boa notícia é que todos somos capazes de nos adaptar ao horário de verão. Para ajudar no processo de adaptação a dica é ir dormir 10 minutos mais cedo do que o habitual durante 10dias. Assim ao findar deste prazo o seu organismo estará adaptado ao novo horário. O que não pode ocorrer é continuar dormindo no mesmo horário de sempre, uma vez que o horário de levantar será sempre uma hora mais cedo.


Então, gostou do nosso post? Compartilhe! =]

Tags:

Deixe um comentário

Captcha